terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

História... O homem é um ser histórico...

Para começar a trabalhar o conteúdo de história, nas turmas de quarta série ou quinto ano, gosto de utilizar o texto que segue, pois o aluno precisa compreender que ele é um ser histórico, ou seja, ele é alguém que tem uma história já iniciada e que continua "escrevendo-a", assim como também tudo que o rodeia possui uma história.

Sempre depois de trabalhar o texto peço que os estudantes tragam para sala de aula fotografias pessoais, pois nelas percebemos ou descobrimos um pouco da história familiar de cada um. E fica um atividade bem interessante...

O texto é retirado do livro História com Reflexão, vol 4. Só não me recordo o nome dos autores.


O tempo

Você vive o tempo presente. O tempo é o passar das horas, dias, meses, anos, século. É um momento, um período, uma época.

O passar do tempo pode ser percebido pelas mudanças que se constatam e se observam.

A história é uma prática social: o homem é um ser histórico

O homem é um sujeito histórico

Você já pensou que todos os seus objetos de uso pessoal foram produzidos no passado? Alguém um dia inventou algo que você usa hoje.

O passado está vivo no seu dia-a-dia.

Através da história você pode conhecer o dia-a-dia dos antepassados, compreendendo e utilizando o legado que eles deixaram para o presente.

Hoje você vive num grupo social, porque os homens no passado criaram diversos meios e formas de existência sociais.

Você necessita viver com outras pessoas, porque não pode viver isolado, sozinho. Você é um ser social e histórico.

Para viver em grupo, o homem teve que criar regras sociais, a fim de facilitar a convivência. Essas regras são os valores éticos de cooperação, justiça, amizade, solidariedade, responsabilidade, respeito.

Quando você nasceu, as coisas já estavam quase prontinhas, só faltava você para dar continuidade às mudanças históricas. O tempo não pára!


A memória de outros tempos

Você já percebeu que existem no seu cotidiano vários vínculos com o passado. Eles são percebidos nos brinquedos, no vestuário, no material escolar, nos hábitos, nos costumes. O seu tempo presente está ligado ao passado.

Também podemos conhecer o passado através das fontes orais, como as histórias que os mais velhos nos contam.

A memória é valiosa para o conhecimento do passado. Através dela podemos fazer a história oral, o relato das pessoas sobre os acontecimentos que vivenciaram. Através dela se conservam e preservam certas informações do passado, que são atualizadas no presente. A lembrança é um componente essencial desse resgate.

As lembranças podem se expressar de diversas maneiras. Uma poesia, a letra de uma música, um depoimento (por meio de entrevistas gravadas em fita cassete ou vídeo) podem reproduzir uma determinada época.

3 comentários:

  1. bom texto michele,me ajudou a entender o porquê do homem ser um 'ser histórico'

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada, me ajudou no trabalho de história !

    ResponderExcluir
  3. PARABÉNS PELA CLAREZA DO TEXTO.

    ResponderExcluir